quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Riscos da automedicação com citrato de clomifeno


Vale a pena conferir o artigo do site Sexo e Relacionamentos sobre o Indux (citrato de clomifeno), medicamento que vem sendo utilizado sem controle por mulheres que desejam engravidar.

Como todos já sabem, não se deve tomar nenhum remédio sem consulta e prescrição médicas. Qualquer medicação pode ter efeitos colaterais e pode não só não trazer qualquer benefício como também prejudicar o paciente. O citrato de clomifeno (CLOMID e INDUX) é um excelente exemplo disso. Seu uso indiscriminado motivado muitas vezes por informações obtidas na internet - que divulgam a substância como uma “ajudinha” para os casais que estão tentando engravidar sem sucesso, pode ter um desfecho desastroso. O primeiro e mais simples dos problema é a frustação gerada pela não ocorrência da gravidez. Mas também existe o risco de uma gravidez tubárea ou, o que é pior, a síndrome de hiperestimulação ovariana. Isso sem contar os casos de gravidez múltipla, muitas vezes motivo de partos prematuros e recém-nascidos com problemas de saúde.

Por isso, se você tem até 35 anos está tentando engravidar há mais de um ano, ou se tem acima de 35 e está tentando há mais de seis meses sem sucesso, procure a opinião de um especialista. Dessa forma, além de não perder tempo, você não vai se expor a riscos desnecessários.

Dra. Maria Cecília Erthal
Ginecologista e especialista em reprodução assistida


Confira o artigo:

Tudo sobre o INDUX

A cada dia que passa me assusto mais com a quantidade de pessoas que acham que os remédios são milagrosos, que curam qualquer problema! Tenho visto diversas dúvidas na internet sobre o Citrato de Clomifeno, o famigerado Indux (ou o Clomid) e pessoas que insistem em tomar estes medicamentos sem orientação profissional adequada.

Vou tentar esclarecer algumas dúvidas. Pra começar, estes medicamentos são antagonistas dos estrógenos, ou seja, eles induzem o aumento da produção de FSH (hormônio folículo estimulante) e LH (Hormônio Luteilizante), que tem como resultado a ovulação, que ocorre geralmente de 6 a 12 dias depois da série.

Este medicamento só é indicado para mulheres que comprovadamente NÃO OVULAM de forma alguma. Algumas mulheres ficam desesperadas por não conseguirem engravidar e resolvem tomar estes medicamentos por conta própria, o que não é seguro ou indicado. Não são comuns mulheres que não ovulam, em geral a ovulação pode ser diminuída. O tratamento com Indux deve ser começado depois de descartadas todas as outras possibilidades de infertilidade: nem sempre é a mulher que não pode ter filhos, vários homens tem uma produção de espermatozóides diminuída, ou a maturação deles não é completa, ou o sêmen não é de boa qualidade; se desesperar e sair tomando remédio por aí não é a solução para ninguém.

Mesmo em mulheres, as causas da infertilidade são diversas. Há mulheres que têm falhas fisiológicas ou anatômicas, ou até distúrbios hormonais (de tireóide, por exemplo) e nestes casos o Indux não é o medicamento mais indicado.

Além disso, o remédio pode causar aborto (em 19% dos casos tratados ocorreram), gravidez ectópica, parto prematuro ou, quando tomado inadvertidamente no começo da gravidez, anomalias no feto (que ocorrem em 7 de cada 8 fetos). Pode diminuir a produção de leite, é contra-indicado para mulheres com disfunções hepáticas e é um perigo para pacientes com cistos ovarianos (podem aumentar o tamanho dos mesmos) ou com carcinomas endometrial.

Outros problemas muito sérios estão sendo estudados e relatados em artigos científicos com certa freqüência: defeitos no tubo neural do feto e síndrome de Down. Além dos problemas para o feto, são relatadas inúmeras reações adversas relacionadas ao Clomifeno, que em geral acabam com a suspensão do uso da droga.

O modo de usar é outro problema. Não é fácil de entender, por isso necessita ainda mais de acompanhamento médico. São 3 ciclos:

· 1° ciclo: 50mg (1 comprimido) por 5 dias. Em pacientes que não menstruam pode-se iniciar o tratamento em qualquer dia. Se ocorrer menstruação espontânea, deve-se tomar o medicamento no 5° dia do ciclo menstrual. Se a ovulação ocorrer no primeiro ciclo, não há necessidade de aumentar a dose nos outros 2.

· 2° e 3° ciclos: 100mg (2 comprimidos) por 5 dias, com começo após 30 dias do ciclo anterior. Não se deve ultrapassar a dosagem de 100mg por dia e mais ciclos além dos 3 são contra-indicados.

Outro efeito comum do medicamento, é a gestação múltipla. 7,9% das pacientes tratadas tiveram gêmeos (7%), trigêmeos (0,5%), quadrigêmeos (0,3%) e até quíntuplos (0,1%). Aí vem aquela idéia idiota: “Eu sempre sonhei em ter gêmeos, vou tomar o Indux pra alcançar o meu sonho!” Não seja burra, a chance de ter gêmeos é baixa e, além disso, pode causar danos para você, para a(s) criança(s)!

Outro uso um tanto inusitado (mas tão idiota quanto) que eu vi por aí, foi utilizar estes medicamentos como Anabolizantes. Estranho não? Mas não é mentira não. O Clomid aumenta a produção de testosterona e espermatogênese em homens. Além disso, ainda incentivam o uso do remédio concomitante com HCG (Gonadotrofina Coriônica), outro hormônio utilizado no tratamento da infertilidade feminina. Gente! Quer músculos? Vá malhar! Será que ninguém diz para estas pessoas que estes medicamentos podem causar aparecimento de caracteres femininos (aumento dos seios, afinar a voz, diminuição dos pêlos) e também impotência sexual?

É absurdo o uso abusivo dos remédios que as pessoas fazem ultimamente. Tem problemas para engravidar? Procure um médico, um especialista no assunto. Faça vários exames e só utilize medicamentos com orientação adequada. É mais seguro para você e para seu futuro bebê. O desespero não é bom conselheiro! Se você já tem uma idade mais avançada é ainda mais necessário que busque um profissional, em geral, mulheres mais velhas têm gravidez de risco e é essencial acompanhamento médico nestes casos!

Lembrem-se que mesmo que você não consiga ter filhos de forma convencional, ainda há chances pela fertilização in vitro! Pense bem, você não vai gastar seu dinheiro, seu tempo e suas esperanças à toa, não é?

Artigo por Miss Hayworth

152 comentários:

Georgia Maria disse...

Fiquei muito feliz em ver um artigo do site SeR - Sexo e Relacionamentos publicado aqui e sendo aconselhado por uma médica. Nosso site visa exatamente isso, dar atenção a todos que querem orientação sobre tudo que envolve sexo e relacionamentos, por isso temos diversas seções, inclusive a de saúde, que mostra o que é bom e o que é ruim para nosso corpo. Uma das maiores dúvidas são sobre o INDUX e como ele é visto como MILAGREIRO pelas mulheres que o tomam sem mesmo ir a um médico. O artigo serve além de explicar, sobre os perigos que os medicamentos,sejam quais forem, causam ao nosso organismo.
Mais uma vez, obrigada pela citação do nosso site e precisando, estamos sempre na net, para orientação.

Georgia Maria, editora do site SeR
www.sexoerelacionamentos.com.br

Denise disse...

O artigo é muito bom. Esclarecedor, mas o que dizer da ausência de política pública para os casais que desejam o tratamento da infertilidade? E do uso comercial que se faz da incapacidade de reproduzir oferecendo um filho como um produto após um caro tratamento na rede particular? Não seriam estes fatores estimuladores de desespero e auto-medicação?

Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Apesar da política do SUS ser de eqüidade, universalidade, integralidade e controle social, nem sempre se observa isso na prática. Entende-se por integralidade, que ele deve cobrir todos os tipos de patologias. Contudo, muitos governantes alegam que existem carências em muitas outras áreas básicas, como vacinação infantil e cirurgia oncológica e cardíaca, e que a infertilidade é uma situação que não gera risco de vida.
O tratamento em si é muito caro, não só pelas medicações usadas, mas também por toda a infraestrutura necessária para a realização de fertilização, e também pelos materiais e equipamentos utilizados no laboratório, que são todos importados, gerando um custo muito alto.
Porém, mesmo com as dificuldades políticas e econômicas, ainda existem ilhas de excelência no SUS, que oferecem o tratamento de fertilização in vitro gratuito ou parcialmente gratuito, tendo que a paciente adquirir ao menos a medicação que a mesma vai utilizar. Mas, como em todos os tratamentos de excelência do SUS, existe uma demanda maior do que a disponibilidade de vagas, gerando, assim, grandes filas de espera.
Independente da incapacidade do SUS em oferecer o atendimento para todos, a automedicação continua sendo uma péssima ideia, pois o paciente estará se expondo a um risco que ele mesmo desconhece e não sabe quais os sintomas que são sinais de risco. O uso de indutores de ovulação pode parecer uma coisa simples, contudo, sem um acompanhamento adequado, pode gerar risco do desenvolvimento da síndrome do hiperestímulo ovariano, que é uma síndrome que pode levar à morte.
Se deseja fazer uso do Clomifeno, procure o seu ginecologista para ele orientar e acompanhar a sua indução. Dessa forma é muito mais seguro para você.

Anônimo disse...

tenho 23 anos,e a minha medica me indicou clomifeno,mas descobri que alem de ovario policistico tenho hipotiroedismo,mesmo assim devo continuar o tratamento para engravidar???

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

O citrato de clomifeno quando associado ao ovário policístico deve ser bem acompanhado, pois existe o risco de ocorrer a síndrome do hiperestímulo. Já o hipotireoidismo está associado a um aumento de risco de abortamento no 1º trimestre.
Converse com a sua médica para vocês decidirem qual o melhor método para você conseguir atingir o seu objetivo.

Att. Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Em primeiro lugar parabens pelo artigo. Gostaria de um esclarecimento. Por que nas academias de ginastica, os homens que fazem o uso de anabolizantes apos o ciclo fazem o uso do INDUX. Certa ocasião perguntei pra um deles e o mesmo me respondeu que faz parte da "TPC" eu entendi que seria uma especie de tratamento pos ciclo. Honestamente não é uma duvida e sim uma curiosidade.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Esse é um típico caso de má uso da medicação. Posso até imaginar a argumentação que provavelmente estão fazendo para sua utilização pós uso de anabolizantes.

O importante a saber é que ele não vai potencializar o efeito do anabolizante, nem proteger os espermatozóides das suas consequências negativas. Ele pode, inclusive, potencializar esse efeito negativo sobre os testículos.

O uso de anabolizantes para musculação é causa frequente de infertilidade masculina. Ele pode provocar a diminuição e até, eventualmente, a parada total da produção de espermatozóides. Sendo que esse é apenas um efeito menor do uso desse tipo de substância.

Já presenciei adolescentes de 16 anos aguardando a doação de um rim por conta de uma lesão por uso de anabolizantes.

Se você deseja ter um corpo sarado, saiba que não existem atalhos sem riscos. E esses riscos muitas vezes podem custar caro para sua saúde.

Att. Dr. Cássio Sartorio
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Um amigo saindo duma consulta de ginecologia com a esposa mostrou-me a sua receita que incluia clomifeno. Gostaria de saber se pode ser usado para tratar infeitilidade masculina.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Toda medicação deve ser utilizada de acordo com o caso de cada paciente. Uma medicação utilizada de forma errada pode trazer mais mal do que bem. O ideal é que você vá a um médico para poder determinar o que tem e, assim, prescrever o melhor remédio para o seu caso.

Att.
Dr. Cássio Sartorio
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá, hoje fiz exames de ultrassom e o medico me disse que estou com ovário policistico. Bem, com estou a 8 meses tentando engravidar (tenho 32 anos e tenho um filho de 7 anos)esse diagnóstico me deixou descepcionada, então fui procurar informações a respeito deste diagnostico e encontrei este medicamento indicado em casos de indução de ovulação. Na procura de mais informçÕes sobre o medicamento encontrei este artigo e adorei as informações, estão de parabéns. Agora sei que não preciso me precipitar, pois qualquer indicação de minha medica(o resultado do exame ela vai ver na quarta-feira) surtirá efeito só no mês que vem, isso se uma gravidez não ocorrer neste! não vou perder minhas esperanças! um abraço a todos.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Isso mesmo! Omelhor é não perder as esperanças e ouvir sempre a opnião de um medico especilista de sua confiança.

Boa sorte!

Att.
Dra. Maria Cecília Erthal
CRM: 52.40866-0

Anônimo disse...

minha medica pediu p eu tomar o indux durante 3 ciclos e 2 comprimidos por dia durante 5 dias...perguntei a ela se continuava a tentar engravidar e ela disse sim e q parasse caso consegui-se...está correto???

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

O citrato de clomifeno pode ser utilizado da forma como foi prescrita, contudo as informações passadas no seu contato são escassas, não sendo possível, assim, afirmar se a utilização do clomifeno é a melhor opção para o seu caso.
Minha recomendação é que você tire suas dúvidas com a sua médica, pois ela é a pessoa que conhece melhor o seu caso, ou, caso prefira, procure um médico especialista em reprodução.

Abraços,

Dr. Cássio Sartorio
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

olá bom dia! tenho 11 ano de casada! e nao consegui engravidar ! fiz um tratamento em goiania os exames nao deu nada ! ai estou esperando chamar p/ fazer ensiminaçao artificial! mais estou querendo engravidar logo! me falaram qi o remedio clomid era bom! ai tomei no 10 dia da mestroaçao! um comprimido por dia! devo tomar os 10 compr. ou tomo so 5 comprimidos? agente fica com a boca amargando! me responda por favor ! meu email e: regipacheco1@hotmail.com Obrigada

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, anônimo,
O que você fez é exatamente sobre o que esse texto que publicamos no blog trata: o uso indevido do clomifeno.
Infelizmente, você tomou o medicamento de forma errada. Essa medicação não trata todos os tipos de infertilidade. O modo como você tomou pode ter posto você sob risco de acontecer algo grave. É preciso ter em mente que o mesmo remédio que trata pode ameaçar a sua saúde.
Sugiro que você procure o seu médico, para ver se o clomifeno é o melhor remédio para o seu tipo de caso e só ele vai poder lhe orientar a forma correta de uso e acompanhar seu tratamento para que você não corra mais riscos.

Atenciosamente,

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Drs. Fiquei muito feliz com seu artigo, e ao mesmo tempo abismada com a facilidade com que antagonistas de estrogênio podem ser adquiridos!!!
Não deveria ser um medicamento com receita retida? Tenho 33 anos estou pensando em engravidar, apesar do medo da responsabilidade de ter um filho, acho que é saudável ter um certo receio, tendo em vista todas as necessidades que uma criança requer. Minha mãe me teve com 42anos e depois de mim ainda teve mais uma gravidez.
Faço uso de pílula anticonsepcional a 11 anos e tenho usado qlaira, esta pílula suprimiu minha mesntruação, será que isso pode ocasionar problemas para ovular? quanto tempo leva para ocorrer a primeira ovulação após a parada da pílula anticonsepcional? Pela medição da temperatura posso acompanhar uma possível ovulação? Obrigada!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,
Normalmente após a suspensão de anticoncepcionais de uso contínuo, o organismo tende a retornar à normalidade em até três meses. Caso você deseje engravidar, apesar do histórico de sua mãe, eu não deixaria para muito tarde, pois, estatisticamente, podemos dizer que o caso de sua mãe é incomum, e é impossível garantir que você tenha a mesma sorte.
Sentir medo de engravidar é normal e todo casal passa por isso. Caso vocês estejam decididos a seguir esse caminho, eu diria para você conversar com seu médico para então suspender a pílula e começar a tentar.
Conversar com seu médico pode ser interessante para ele solicitar alguns exames que podem afastar risco para a sua saúde e a do seu bebê.

Abraços e boa sorte.
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá Dr ..

Então..

eu tenho 19 anos, Namoro à 7 meses , e tenho muita vontade de ser Mae, muita mesmo ..
Fiz um Exame, ULTRAVAGINAL, i nele acusou que no meu ovario esquerdo, tem uma baixa quantidade de POLICISTO ,[ ovario policistico ] ..
E minha Medica , me receitou outros EXAMES, mas com medo de fazer, não fiz ..
Mas com muita Fé em DEUS, creio que vo ter um BABY sim, se Deus permitir né .
Então por isso, acabo colocando na cbç, i se eu tiver Relação tdos os Dias, sera que tem mais POSSIBILIDADES ? i acabo fazendo isso ! :(

O que posso fazer ? Tomar ? não sei ! Me ajude por favor !

minha duvida e grande, mais o que eu tinha de duvidas, ( outras né ) eu ja vi neste bloog, i adorei as Explicações !

- Parabéns , para o Editor ( Editador)

Espero alguma resposta , Por favor, me ajude !

Agradeço desde já . Obg !

Anônimo disse...

Olá..Conheci esse remédio a pouco tempo e fiquei esperançosa, mas tenho 47 anos e sempre quis ter um filho, não me sinto velha, sou bem conservada, aparento 35 anos.Mas minha mestruação está falhando desde o início do ano, fica 2 a 3 meses sem vim e depois vem...e esse mês..está vindo pouquinho, queria tomar esse remédio..meu sonho é ter um filho..,me oriente como tomar..obrigada

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cada anônima,

Primeiramente, em relação a engravidar, você é jovem e está só namorando. O melhor para você e pro seu filho talvez seja você terminar sua educação para, então, ter sua independência financeira.

Em relação aos ovários policísticos, siga as orientações de sua médica. Se você não fizer os exames que ela pediu, ela não terá como te tratar.

Abraços e pense com muito cuidado o que você vai fazer, pois não é só com a sua vida que você vai mexer, a vida mais importante é a do bebê.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cara anônima,

Essa medicação não é a mais indicada para você. Procure um médico especialista em reprodução humana assistida para poder melhor te orientar quanto às suas possibilidades.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

janaina.
oi eu tenho 23 anos,sou casada há 6 anos e o meu sonho é de ser mae,porem já perdir 2 bebes abortos espotaneo.
gostaria de saber se eu posso tomar esse clomifeno se ele ajudaria a levar a gravidez adiante.
por favor me responda.
desde já muito obrigada.

Anônimo disse...

Foi muito bom ter lido este site. Tenho uma duvida e peco ajuda. Com meu medico vínhamos fazendo clomifeno.No primeiro mês tomei ao 3 dia de menstruação 50g por dia, depois no segundo mês subiu-se para 100g, parei no 3 mês, por razoes de saúde, na altura da menstruação. Aconteceu porem que ao terminar o período tive uma hemorragia, fui tratada e passou, agora tive menstruação o medico medicou, desta vez clomifeno 300g por dia sendo tomado em 3 doses de 8 em 8 horas. Perguntei se não era muito ele disse que não mas teria algumas tonturas e . Estou tomando e já no 4 dia, só que estou com problemas de visão, esta um pouco turva. Aqui na internet tenho notado que a recomendação do uso do clomifeno é ate ao máximo de 150gs e eu tou a 300gs por dia. Me ajudem a lidar com isto, Por favor. Nina

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Janaina,

O mais interessante seria você investigar se existe alguma causa para esses abortos antes de tentar engravidar novamente.
Converse com seu médico para ele pedir alguns exames e acompanhar o uso de sua medicação.

Abraços e boa sorte.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, anônimo,

Realmente a dose que você está fazendo é alta, mas você deve conversar com seu médico sobre suas dúvidas. Você deve perguntar a ele se, mesmo ele fazendo essa dose, o resultado é o que ele está esperando e se existem outras opções terapêuticas para você.
E, caso a resposta não seja o que você espera, não tenha vergonha de procurar uma segunda opinião.

Att.
Dr. Cássio Sartorio
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.75951-1

Erika disse...

Bom dia! Estou investigando, juntamente com o dr. Paulo Gallo, a causa de 2 abortos e ao verificar um dos resultados já concluídos, observei que o Crossmatch deu tudo NEGATIVO. E pesquisando com o "dr. Google"...rsss verifiquei que isto signfica que terei que tomar vacinas (as famosas ILP). Está correto?
Ainda realizarei mais alguns exames, entretanto a ansiedade, em saber se está tudo bem ou não, é tão grande que todos os resultados concluídos, e com possíveis alterações, procuro no "dr. Google" para saber a diagnose.
Aguardo resposta

Alice disse...

Bom dia Dr, sou Alice, tenho 26 anos, a 5 anos tento conceber mas nunca engravidei. ja fiz varios exames e sempre os medicos dissem estou apta para conceber. Tomei clomifeno por indicacao medica mas, nao deucerto. Facp o que? Peco ajuda

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Érika,
Ter o resultado negativo para Crossmatch não significa que você terá que tomar a vacina ILP. A vacina só é indicada após a combinação de alguns exames. Como você ainda precisa realizar alguns, recomendo que agende uma nova consulta assim que estiver com os resultados completos


Dr. Paulo Gallo
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.42276-5

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Alice,

Se você tenta engravidar há 5 anos e ainda não conseguiu é bem provável que vocês tenham alguma alteração ainda não identificada.
O ideal é que você procure um médico especialista em reprodução para que você e seu marido sejam investigados e dessa forma tratar a causa da dificuldade de vocês.

Abraços

Dr Cássio Sartório
CRM 52.75951-1

Isabela disse...

Olá! Tenho 26 anos e resolvemos tentar nosso primeiro filho parei de tomar o Yasmin em junho, tomei a cartela inteira e quando acabou não tomei mais; depois disso minha menstruação ficou totalmente irregular: 19 junho, 26 julho, 31 agosto, 05 de setembro e ponto, não veio mais fiz teste de farmácia, exame de sangue, tudo negativo! Fui ao meu GO ele fez uma Ultravaginal e disse que está tudo certinho e me passou um exame para medir as taxas de hormônio que também deram todos normais. Depois disso ele me passou o indux e um outro remédio que tomarei após a pausa de 05 dias do indux. Este outro remédio é para tomar durante 14 dias. O que vocês pensam sobre isso? Alguém aqui pode me orientar se estamos no caminho certo? São tantas dúvidas e medos nesse caminho!!!Desde já agradeço!!!
Isabela

Anônimo disse...

Gostaria de parabenizar pelas informações e segundo gostaria de fazer uma pergunta. meu medico me orientou a tomar indux, tomei o 1º ciclo terminei ontem, e estou sentindo um incomodo ao urinar, será que é normal? ou devo retornar ao medico? desde ja agradeco.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

Provavelmente esse incomodo ao urinar não tem nenhuma relação com o uso do Clomid. Sugiro que procure o sue médico para uma avaliação.

Dra. Maria Cecília Erthal
Diretora médica do Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.40866-0

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Isabela,

É normal ter dúvidas e inseguranças no caminho para a realização do sonho da gravidez. A maioria das pacientes experimenta essas sensações. Acredito que você deve continuar tentando com o acompanhamento do seu ginecologista. E, caso a gravidez não ocorra, você deve procurar um especialista em tratamento da infertilidade.

Dra. Maria Cecília Erthal
Diretora médica do Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.40866-0

estiloraiz disse...

Olá;

sou homem, tenho 32 anos e minha esposa tem 34. Já algum tempo amadurecemos a ideia de ter um filho. Porém percebi uma certa dificuldade, minha esposa fez alguns exames e está em plenas condições. Meu urologista receitou-me o INDUX 50mg, por 2 meses. Mas na busca por informações, encontrei este blog com várias críticas ao medicamento, o que me deixou receoso quanto as reações adversas.
Devo fazer novos exames (fiz para hormônios e espermogramas)?
Obrigado!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,
Não existe crítica ao citrato de clomifeno, ele é uma das medicações mais antigas e comprovadamente eficaz para aqueles casais que desejam engravidar.
A crítica existe com relação a auto-medicação, que é quando um paciente faz uso de uma medicação sem o adequado acompanhamento médico, que neste caso pode levar à risco para a paciente e, caso engravide, para seus filhos.
O uso prolongado de citrato pelo homem é comum, e você deve manter o acompanhamento com seu urologista.
Abraços.
Dr. Cássio Sartorio
CRM 52.75951-1

ana paula disse...

Olá,
Tenho 25 anos e meu marido 31, na tentativa de ter um filho descobrimos que o problema era com meu marido, ele fez 3 espermogramas e a primeira deu azooespermia a segunda deu 4mil e a terceira azooespermia, além de ter varicocele grau1 (segundo o médico). Ele fez a cirurgia da varicocele a 5 meses, e a biopcia dos testiculos para saber se fabrica esperma, na qual deu como resultados espermátides. O médico receitou que ele tomasse citrato de clorifeno 25g por 3 meses. Quando fui pesquisar sobre o remedio estranhei ser receitado para homens um remedio p indução de ovulação. Gostaria de saber se tem eficácia no tratamento para fertilidade masculina também e se temos chances te engravidar normalmente. É normal o uso prolongado em homens?

desde já agradeço a atenção, e parabens pelo belo trabalho!

Ana Paula

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Ana Paula,
No seu caso, a indicação parece ser fertilização in vitro com microdissecção testicular para tentar achar espermatozóides. E recomenda-se que isso seja feito o mais rápido possível, sob o risco de piora da função testicular (o que já vem acontecendo, pelo seu relato). Quanto mais o tempo passar, menores são as chances de encontrar espermatozóides.

Um abraço,


Dra. Maria Cecília Erthal
Diretora médica do Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or
Especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.40866-0

kelly disse...

oi eu tenho 23 anos e tenho so um ovario, no final do ano descobri que tenho oavrio policistico. Estou fazendo mais exames para começar a tomar remedio para induzir a ovulaçao. Você acha que tem muitas chances de engravidar?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Kely,

Não é possível responder a sua dúvida somente com as informações que você nos passou. A melhor pessoa para avaliar suas chances e lhe dizer se é necessário mesmo realizar algum tratamento é sempre o seu ginecologista. Sugiro que converse com ele.

Abs e boa sorte!

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Ola..gostei muito do artigo e me senti segura em relatar aki o que aconteceu comigo e tirar algumas duvida! Bom tenho quase 33 anos e sou louca para ter um filho....engravidei o ano passado ...mas infelizmente com 5 meses de gestação tive um aborto espontaneo...fiz diversos exames ...inclusive no meu ANJINHO tambem...e não apareceu problema algum...agora passado extamente 9 meses dessa triste perda estamos tentando novamente..parei de tomar o anticoncepcional em Fevereiro...e ja estou tomando o acido fólico...quanto tempo normalmente demoraria para eu ovular e engravidar novamente??? o Indux ou Clomid iriam me ajudar ??? O acido folico tem contra indicação??? Aguardo anciosamente uma resposta! Muitoooo obrigada desde ja e boa noite!!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

Utilizando anticoncepcional, no mês seguinte ao término, já existe a possibilidade de haver ovulação.
Porém, pode não haver ovulação em todos os meses, por isso, aconselha-se que o casal continue tentando. A gravidez pode ocorrer a qualquer momento, mas não há como precisar quando. Converse com seu ginecologista caso não consiga engravidar no período de um ano de tentativas para ele lhe orientar sobre quais exames fazer e como você deve proceder. O Citrato de Clomifeno tem indicação em pacientes que não ovulam e não deve ser utilizado sem orientação médica, pois todos os remédios têm efeitos colaterais.
O acido fólico não tem contraindicação, a menos que a paciente tenha alergia aos componentes da fórmula, e deve ser iniciado antes da gravidez e mantido até 12 semanas de gravidez.

Boa sorte para vocês!

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Julianas disse...

Olá,
tenho 26 anos, parei o AC em outubro para tentar engravidar. Em janeiro descobri SOP nos dois ovários(anavolução). Em fevereiro a médica me passou metformina, mas não deu certo e agora me passou o indux. Não tenho problema de insulina e nem nada, meus exames estão normais. Tenho medo de tomar o indux e causar alguma deformação, aborto...
Há alguma outra opção para mim? Só a metformina me ajudará?

Obrigada,
Juliana

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Juliana.
Vejo que você está sendo acompanhada por um médico. Confie nele e siga corretamente o tratamento. A síndrome dos ovários policísticos pode levar à anovulação crônica. Em alguns casos, a perda de peso e a prática de exercícios físicos já faz com que a paciente passe a ter ciclos regulares. A Metformina diminui a resistência insulínica e também melhora o ambiente ovariano, ajudando a regularizar o ciclo, mas não induz a ovulação.
O uso de indutores de ovulação, como o citrato de clomifeno, pode ajudar a paciente que não ovula espontaneamente a ovular. A ovulação ocorrendo, a gravidez pode acontecer e os riscos inerentes a ela também. Engravidando, o ideal é dar inicio ao pré-natal e assegurar, por meio de exames, que está tudo evoluindo bem.

Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Silvana disse...

Boa noite
meu marido tem astenozoospernia acentuada. Há tratamento eficaz para isto? quais são nossas opções?
Por favor, me ajude"
Obrigado!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Silvana,

Alterações acentuadas do espermograma muitas vezes dependem de tratamentos específicos de reprodução, como a fertilização in vitro, ou a inseminação. Converse com o médico de vocês, ou procure um médico especialista em reprodução humana, para que ele possa avaliar o seu caso e indicar o melhor tratamento.

Abraços e boa sorte!

Atenciosamente,

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Adiene - NE disse...

Parabenizo pelo Blog e principalmente por esta materia.
Estou com muitas dúvidas, moro no nordeste, mais precisamente no interior do Estado, tenho 45 anos nunca engravidei, tive ovario policistico, tratei com medicamento Diane,durante 12 anos, hoje não tenho nenhum cisto, há 6 anos não uso contraceptivo, e não consigo engravidar, a medica me orientou a tomar DTN fol por 3 meses e em seguida o Serophene( citrato de clomifeno). No mes em que ia iniciar a dosagem do serophene ocorreu que em março/12 a menstruação no 1ºdia fluxo normal no 2º suspendeu retornando normalmente no 3º dia; em abril/12 a menstruação veio sendo que o fluxo veio muito pouco, menstruei no 1º e 2º dia e depois parou Cheguei a tomar duas drageas docitrato de clomifeno, só que ao ler sobre seus efeitos suspendi a medicação. So que a medica que me orientou não atende mais o meu plano de saude e realmente estou cheia de duvidas, medico aqui só na capital e especialista em que área devo procurar? Será que entrei na menopausa? Parei de ovular?Será que ainda tenho alguma chance em engravidar?
Agradeço a atenção.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cara Adiene,

A sua idade é sim um fator complicante na hora de você querer engravidar. Já que você quer procurar um especialista, procure um especialista em Reprodução Assistida. Você não disse qual o estado em que mora, mas todas as capitais do Nordeste possuem clínicas de Reprodução Humana Assistida. Procure uma para você poder ser avaliada.

Boa Sorte.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

HOSANA

Muito bem seu blog, tenho 34 anos, sou fisioterapeuta atuo na neuro,tenho 18 anos de casada com 2 filhos em de 14 e outro de 7 anos. Gostaria de engravidar só mais uma vez e estou sem tomar anticoncepcional a mais de 1 ano. parei de evitar esse ano em janeiro, tentei nos dias ferteis, fui na médica bem no dia fertil tentei mais não engravidei. Procurei então outro médico mandou fazer o exame histeriossalpingografia deu normal e o espermograma do meu marido também. levei para uma médica da Cruz Azul o resultado dizendo que tentei nos dias ferteis e não consegui engravidar, peguei uma receita de clomid para tomar no 7º dia tomaei 4 dias pois li a bula que era no 5º dia. Parei de tomar no 10º dia tentei nos dias ferteis novamente só que não consegui constatar a quele muco que sempre tive e até hoje não menstruei, veio para mim dia 19/04/2012 hoje é dia 20/05/2012. Como li em seu blog quem ovula não é aconselhavel tomar indutor não vou tomar mais, sera que é bom realisar o exame de hormonio da prolactina e o de urina para detectar o hfe e o hl se está alto ou baixo demais, marquei consulta com meu médico que fez minhas 2 cesárianas mas está longe o dia gostaria de levar os resultados desses exames mais o resultado do histerio,pode ser feito quelquer dia esses exames de hormonio e de urina? estou pensando em fazer amanhã dia 21/05/2012, teria outro que eu não saiba? Por favor me responda

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cara Hosana,
Como você tem 34 anos e refere estar há mais de 1 ano tendo atividade sexual regular e desprotegida, já há indicação para iniciar uma investigação conjunta do casal supervisionada por um médico. Tal investigação, porém, não deve se resumir apenas à realização de espermograma e histerossalpingografia (exames que vocês já fizeram).
Procure seu ginecologista para realização de uma investigação completo e, caso haja indicação de algum tratamento de reprodução assistida, procure um especialista.

Atenciosamente,
Dra. Vívian Sant'Anna
Médica especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.79756-1

Ilana disse...

Olá!
Tenho SOP e tomei diclin 12 anos. Ao parar para tentar engravidar em jan/11, simplesmente eu não menstruava. Em 6 meses, menstruei 3 vezes apenas. Minha médica encaminhou a uma especialista que pediu vários exames e não deu alterações, incluindo meu marido. Apenas nas ultras de controle ela viu que de fato eu não ovulava. Tomei 2 meses de ACHO e começamos as tentativas com clomifeno e quando o folículo atingia 19 aplicava a injeção na barriga.
Na primeira tentativa eu ovulei mas não engravidei.
Na segunda, mesmo tomando clomifeno, não produzi folículos então não tomei a injeção, apenas esperei menstruar.
Na terceira, usei novamente o clomifeno e o folículo não rompeu e virou um mega-cisto, mesmo aplicando a injeção, só que desta vez a injeção foi de outra marca. Novamente tomei ACHO por dois meses.
Na quarta tentativa, ovulei mas não engravidei, mesmo aplicando a mesma injeção da primeira tentativa.
Estou na minha quinta tentativa. Faz uma semana que terminei o clomifeno, mas a médica está viajando, não tenho como fazer a ultra pra ver o momento da injeção, então acho que vou perder este ciclo e estou preocupada pois este já é meu quinto mês tomando clomifeno(não consecutivos) e na bula diz pra tomar só 3 meses. Qual(is) o(s) problema(s) pode acontecer neste meu caso que eu irei tomar a sexta caixa mês que vem? Há algum motivo para eu me preocupar?
Obrigada pela atenção e parabéns pelo site. Bastante esclarecedor!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Bom dia!

O Citrato de clomifeno é um indutor de ovulação. Como você mesma disse sua médica diagnosticou ausência de ovulação e assim lhe prescreveu o clomifeno para você ovular.
Pelo que você nos contou você ovulou em alguns ciclos, mas não engravidou.
Bom dia, Ilana,
O clomifeno pode ser utilizado por um período de até seis (06) ciclos. Depois, não é que seja proibitivo, mas você já tentou o tempo suficiente para verificar que não houve gravidez.
Converse com sua médica. Ela com certeza vai lhe orientar aos próximos passos.

Boa sorte!
Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

marcia disse...

Ola - tenho 36 anos e 1 filha de 3 anos e meio - gravidez normal e tranquila. Em outubro de 2010 parei de tomar anticoncepcional pra tentar o segundo filho. Em novembro de 2011 o medico me indicou clomid visto que nao estava conseguindo engravidar. (era pra eu tomar no proximo ciclo). Nisso descobri que estava gravida. Infelizmente em janeiro de 2012 perdi o bebe por causas desconhecidas pois estava super bem de saude. Fiz varios exames e estou otima e apta pra engravidar novamente. Porem venho tentado sem sucesso e pelo fator idade nao posso esperar muito.
Sera que posso tomar o clomid visto que ja tive uma indicação medica dele no passado???

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Marcia,

O ideal é você procurar seu médico e passar por uma nova avaliação. Talvez o problema agora não seja falta de ovulação, que seria o motivo para uso do Citrato de Clomifeno.
Com a consulta, você será orientada e se for necessário fará indução da ovulação.

Boa sorte!
Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

juliana disse...

Parabéns pelas orinetaçoes esclarecedodas...estive em um retorno ginecologico e gyn onte e minha médica disse que eu deveria tomar o Indux por 3 ciclos no máximo, mas que as chances de obter sucesso são poucas devido meu FSH já estar no limite -10.80 pra minha idade 35 anos e já tento engravidar faz 1 ano. Os outros exames que fiz deram todos normais , em todas as ultras que fiz já tinha foliculos com boas medidas 18mm/21mm e com eco endometrial de boa espessura 8mm/mm ( em meses alternados ) , o espermograma de eu esposo tbm está normal. A médica disse que depois de 3 ciclos com o indux já preciso procurar ajudade de um centro de reprodução humana. Fiquei arrasada pois sei o quanto isso é caro e não tenho condições de arcar com esse tratamento . me ajude por favor.... será que é somente esse caminho mesmo?? Ficarei anciosa aguardando mais informações. Muito obrigada Juliana

Anônimo disse...

Tomo acetato de medroxiprogesterona,há mais 1 ano e a ultrasson deu anovulação,já não mestruo a 1 ano é recomendado usar clomid,neste caso?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Oi, Juliana!

Você está no caminho certo. Já está acompanhando com sua médica e ela achou necessária a utilização do indutor de ovulação. Como você está com 35 anos, achei uma ótima conduta ela estipular o estímulo por apenas 3 meses. Caso nesse período ocorra a ovulação e não ocorra a gravidez, você pode conversar com sua médica e pedir para ela indicar um especialista em reprodução assistida. Mas, caso nesse período de acompanhamento não ocorra a ovulação, é possível que você já esteja resistente ao clomifeno, obviamente se você atingiu a dose máxima. E, sendo assim, o especialista será necessário também.

Boa sorte!

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Anônimo,

Utilizando um contraceptivo de depósito como o acetato de medroxiprogesterona, que fica no seu organismo por três meses, é normal estar sem ovular. Na verdade, é isso que o médico pretende com qualquer anticoncepcional hormonal: que os ovário fiquem bloqueados para a mulher não ovular e, consequentemente, não engravidar.
Após um ano utilizando esse método, se você parar, a ovulação pode demorar a retornar de 6 a 8 meses
Não ficou claro se você já parou ou não na sua pergunta, mas, caso tenha parado há um ano e a menstruação não tenha voltado, procure a sua ginecologista. Ela vai te orientar e nem sempre o indutor de ovulação é a resposta para o problema.

Boa sorte!

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Homem com espermatozoides totalmente mortos podem tomar o induz?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

Se você possui uma alteração importante no espermograma, o ideal é conversar com seu médico para que seja indicado um tratamento adequado para o seu caso.

Att.
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista especializado em reprodução humana assistida
CRM 52.75951-1

Laene Martins Dos Reis disse...

o go receitou clomid,apesar de eu ovular+outra injeçao que nao vou conseguir comprar,so o clomid ja poderia aumentar a chance do coito programado ?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Infelizmente, não é possível responder sua pergunta sem conhecer seu caso/histórico médico. Eu recomendo que você siga as orientações do seu médico e, caso tenha alguma dúvida, pergunte a ele.
Abraços e boa sorte.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra
CRM 52.75951-1

Cristiane Souza disse...

Oi
meu nome é Cristiane, tenho 39 anos. Estou tentando engravidar pela segunda vez mas não estou conseguindo. Meu filho tem 4 anos. Minha médica passou todos os exames e deu tudo normal. Ela preferiu não introduzir nenhuma medicação por enquanto.
Só que eu percebi que já há alguns meses eu não tô ovulando, ou seja, a calcinha sai limpa. Então uma amiga me falou do Indux. Será que faz algum mal tomar este medicamento no meu caso?
Se possível me respondam, por favor. Obrigada.

Jessica Dias disse...

Tomava acetato de medroxiprogesterona e parei a 1 mês era pra tomar mês passado e não tomei,fui em dois médicos um diz que tenho ovario policistico,o outro diz que não tem certeza que tenho q parar de amamentar e esperar três meses e fazer outra ultrasson,e também diz que é normal ficar sem menstruar por que estou amamentando,só que logo no inicio eu amamentava tomava outro remedio e menstruava,realmente isso é normal ou procuro outro médico
obs: quero engravidadar de novo...

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Oi, Cristiane,

A ovulação é percebida por meio de vários sinais e exames. Converse com sua médica e ela poderá lhe orientar.

Não tome nenhuma medicação sem orientação médica, pois mesmo o citrato de clomifeno não é isento de riscos.

Boa sorte!

Att.,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

camila disse...

camila,
ola tenho 30 anos e 02 filhos de 13e 6 anos ,parei d tomar selene esse mes,quero ter outro por conta da minha idade, minha go me receitou clomid e ultogen sera que preciso do uso desses medicamentos ou posso engravidar normalmente,fiz ultra vaginal e estava tudo normal. obrigado.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Camila,

Se sua médica receitou, vendo seus exames e conhecendo você, então confie. O fato da ultrassonografia estar normal é um bom sinal, mas não exclui o diagnóstico de anovulação causada pelo ovário policístico.
Converse com sua médica e acredite.

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Boa noite ,gostaria em primeiro lugar parabenizar a vocês pelo artigo que foi muito direto em relação ao perigo de se auto medicar e bem esclarecedor ,apesar da insistência dos paciente em querer se auto medicar,cheguei a este artigo porque eu estava em um outro site sobre o meu problema e o nome citrato de clomifeno foi citado como uma das soluções possíveis a determinada patologia do artigo .
Gostaria de uma auxilio dos senhores em vista que perdi minha médica ressentemente e já havia iniciado com ela meu tratamento de SOP,tenho 27 anos e há quatro anos descobri que tenho hipotireoidismo, descoberta esta feita por uma médica muito boa que trabalhava também na rede dor ,ela me encaminhou para um endócrino e desde então eu controlo este hormônio com medicamento ,e para o cisto fui contolando com os contraceptivos (Selene e depois Belara ),o primeiro funcionou nos 2 anos que seguiram depois eu tive uma disminorreia seguido de hipermenorreia que durou 15 dias porque eu consegui localizar a médica e ela interveio com o outro contraceptivo citado,mas desde então fiquei muito bem ,inclusive cheguei a realizar o exame videohisteroscopia com biopsia com a Dr Eliete Canela para retirar suspeitas de outras patologias possíveis ,e o resultado foi muito bom ,sendo assim a 11 meses conversei com amédica a respeito do meu desejo de me programar para de ter um filho dando um espaço de 1 ano,pois tenho 27 anos e tenho muito medo dessa deficiência hormonal prejudicar meu desejo de gerar um filho saudável e ter uma gestação tranqüila ,e meu marido também deseja o mesmo e ele já possui 39 anos .Iniciei o tratamento com a metformina de 500g no qual o corpo vinha respondendo bem ,porém eu deveria retornar nela agora em setembro com os resultados (exames que faço a cada 5 meses para controle dos hormônios e sangue) e com um parecer sobre o tratamento ,no entanto ela não esta mais clinicando.O que ocorre é que eu estou novamente com hipermenorreia depois de 3 meses atrasada (houve um atraso de quase 2 meses após 3 meses iniciar o tratamento e ela informou que isso era normal ,meu corpo estava se adaptando),e pode ter certeza sem risco nenhum de estar grávida ,e eu não sei o que fazer ,é muito difícil confiar em outro médico ,passar histórico ,ganhar a confiança do médico ,eu sei q não posso tomar nenhum medicamento por conta própria e nem quero e eu estou meia perdida porque eu tinha que fazer os exames de sangue ,estava esperando meu ciclo para realizar os exames corretamente ,eu gostaria de uma opnião realizo o exame antes de procurar um posto de atendimento (porque hoje é o 5º dia de cliclo intenso), vocês possuem algum consultório que possam me indicar? moro pela região cento Rj,ou se for o caso eu vou a Barra também .Desde já agradeço a atenção

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Jéssica,

Tanto a amamentação quanto o uso de acetato de medroxiprogesterona podem suspender temporariamente a menstruação e também a ovulação. Se você já esta querendo engravidar novamente, converse com seu médico. Ele saberá o que fazer!

Att.,

Dra. Carolina Zendron
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.84372-5

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, 'Anônima',

Sei que é difícil alguém nos conhecer tão bem e de uma hora para outra não poder estar ao nosso lado. Assim como você teve confiança nas médicas que lhe acompanharam, você deve procurar outro profissional que possa lhe acompanhar e que lhe passe confiança.
E o ideal é você aguardar para fazer os exames que ele vai solicitar.

Em nosso site http://www.vidafertil.com.br você poder ter acesso a nossos endereços de atendimento e telefone para marcação de consultas ou esclarecimento de dúvidas.

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Renata disse...

Boa Noite! Tenho 27 anos e uma filha de 5 anos. Há pelo menos 3 anos não tomo nenhum tipo de AC e nem meu marido usa camisinha, mesmo assim naturalmente não consegui engravidar, seria o caso de fazer uso deste medicamento? Gostaria muito de ter outro filho já que minha menina já está com 5 anos.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Boa noite, Renata,

Como muito falado aqui, essa medicação não trata tudo e, como qualquer remédio, pode ter efeitos colaterais.
O correto seria você procurar seu ginecologista, ou um especialista em reprodução assistida para que seja avaliado o que está acontecendo com vocês e só então fazer o tratamento adequado para vocês.

Abraços e boa sorte!

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra
CRM 52.75951-1

Jessica Dias disse...

Já conversei com meu médico;acontece que ele diz não tome remédio e espere três meses e faça uma transvaginal,só isso...
Acho que ele devia passar exames, fazer acompanhamento,e etc
O que você acha?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Jéssica!
Se você está sendo acompanhada por um médico, você deve confiar nele e esclarecer todas as suas dúvidas sempre. Não saia da consulta com dúvidas. Entenda cada passo do seu tratamento.
E tenha tranquilidade de ouvir outras opiniões, caso suas duvidas não sejam satisfeitas. Mas dê um voto de confiança e a chance dele sanar suas dúvidas.

Att.,

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Barbara disse...

Boa noite me chamo barbara ano passado tive uma gravidez tubária e perdi uma trompa e um ovário hoje estou fazendo o tratamento com serophefe (1º ciclo), minha mestruação veio 26/09/12 com provera. Estou sentindo dores na barriga já fiz uma ultra e está tudo normal mas o médico não discartou a pessibilidade de uma gravidez está certo? E meu ovário deu micropolicistico a dúvida é o seguinte: Dá pra continuar tomando o serophene mesmo tendo o ovério nedte estado, há possibilidade de ter efeito. Eu pensei em parar de tomá-lo e fazer um tempo de uns 3 a 6 meses de diane (este que todos os médicos me passaram para tentar normalisar a mestruação) e após retomar com o serophene. Tenho 34 anos. Meus exmes e de meu marido estão todos normais. Obrigada

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Bárbara!

Acredito que esteja tomando o Serophene por orientação médica. Essa medicação é indicada para induzir a ovulação em pacientes com anovulação, seja por ovários policísticos ou não. Como o desejo de vocês é engravidar, não tome nenhuma outra medicação que possa impedir que isso ocorra, a não ser que seja indicado por seu médico. OK?
Boa sorte!

Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista.
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Estou arrasada. Hoje fui ao médico com os exames que ele pediu e ele me disse que não sou capaz de engravidar. Tenho 43 anos e o problema está nos folículos. Será que esta resposta é definitiva? Devo perder as esperanças e mergulhar na profunda tristeza que já estou sentindo? O que devo fazer?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

A idade da mulher é um dos fatores mais críticos no que diz respeito à possibilidade de engravidar.
A fertilidade feminina atinge seu pico quando a mulher está nos 20 anos e, a partir daí, começa a diminuir. Após os 35 anos, a fertilidade diminui drasticamente.
A razão pela qual a idade desempenha um papel tão importante na fertilidade feminina explica-se pelo fato de a quantidade e a qualidade dos óvulos diminuírem ao longo do tempo.
A reserva ovariana e a capacidade de produzir óvulos podem ser avaliadas por meio de exames e, com eles, inferir a real possibilidade de engravidar com ÓVULOS PRÓPRIOS.
Converse com seu ginecologista e se ainda persistirem dúvidas e você desejar, consulte um especialista em reprodução humana.

Atenciosamente,
Dra. Vívian Sant'Anna
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.79756-1

Aline Waldow **Nina** disse...

Olá..
O clomid pode atrasar a mestruação? A minha está atrasada 4 dias, mas o exame deu negativo. Aguardo uma resposta... obrigada.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Aline,

O citrato de clomifeno, quando utilizado corretamente, não costuma atrasar a menstruação.
Se você está utilizando essa medicação e houve atraso menstrual de 7-10 dias, você deve realizar um exame de gravidez. Se o exame for negativo, converse com seu médico, sobre as próximas etapas do seu tratamento.

Att.,

Dra. Carolina Zendron
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.84372-5

barbara disse...

a pessoa que tem SOP também perde óvulos como a que não tem? pois mestruamos pouco. E eu fiz o 1º ciclo com serophene e minha mestruação atrasou mas não estou grávida na ultra deu que está tudo normal só estou com ovário policistico. Será que tem algum eu continuar com o tratamento já que o médico me deu este por 6 meses? e qual o dia certo para fazer a ultra para saber se estou ovulando (ou se o remédio está fazendo efeito)? Obrigada

Renata Borges disse...

Olá meu nome é Renata, tenho 29 anos e meu marido 28, estamos tentando engravidar a 1 ano e meio, mas sem sucesso. Um médico me indicou o uso do indux da mesma forma explicada por vocês e do ultogen por 10 dias. Será que estamos indo pelo camainho certo. fiz uso de Microvlar por 12 anos e ja tive ovário micropolicíticos, hoje não tenho mais ( Fiz vários exames). Porém estou com medo de iniciar este medicamento. O que faço?? Renata

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Barbara,

Todo mês, vários folículos são recrutados, mesmo não sendo selecionados, e sofrem processo de atresia, ou de forma mais leiga, morrem. Isso ocorre independente da menstruação.
Até mesmo pacientes que não menstruam por uso contínuo de anticoncepcional têm esse grupo de folículos gastos todo mês!
A automedicação não é uma boa ideia de forma alguma. Retorne ao seu médico que ele saberá a melhor conduta para seu caso.
Para saber se o citrato de clomifeno está sendo eficaz, o melhor a ser feito é o controle da ovulação com ultrassonografia seriada.

Att.,
Dra Beatriz Tupinambá
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.82962-5

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Renata,

Se você está sendo acompanhada por uma médica, você deve seguir o que ela lhe orientou. Caso não esteja, você deve procurar um acompanhamento, pois nunca se deve utilizar medicação sem supervisão, pelo risco de gestação múltipla.

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

Márcia disse...

tenho 2 miomas,estou tomando cerazete,ha 11 meses,hj fui ao medico ele suspendeu o remedio e me receitou o Acetato de Medroxiprogesterona.tenho algumas duvidas.acabei de ler em outro site,q ao terminar o tratamento fica mais facil de engravidar.é verdade? sonho em ser Mãe,por causa dos miomas ainda ñ consegui.alguém pode tirar minha duvida? Obrigado!!!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Márcia,

Você já conversou com seu ginecologista sobre o seu desejo de engravidar? É importante que ele saiba suas prioridades, pois existem várias formas de tratar o seu problema. Ao saber quais são as suas prioridades, ele pode escolher a melhor forma.

Abraços e boa sorte!
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá, tenho 27 anos e tento engravidar há dois anos e meio.
meu médico me receitou Clomid e pediu que no segundo ciclo eu fizesse uma transvaginal no 13 dia do ciclo. Porém o 13 dia cai dia 5 de janeiro e não terá atendimento por aqui nessa data. Posso continuar o segundo ciclo com Clomid mesmo sem fazer esse exame? qual risco corro?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, o uso de qualquer tipo de indutor de ovulação deve ser acompanhado por um médico, pois existe sempre o risco de gestações múltiplas como gêmeos, trigêmeos e assim por diante. O acompanhamento médico serve para te orientar e, dessa forma, diminuir o risco de você engravidar de um número de embriões superior àquele que você desejaria.
Como você está com dificuldade de realizar o exame, convém você ligar para o seu médico e explicar a situação para que possam decidir juntos o que é melhor para você.

Abraços e boa sorte!
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá, Dr. Cássio!
Tenho 27 anos e há 1 ano estou tentando engravidar.Fiz US e tenho ovários policisticos e aumentados,mas o útero esta normal.
A minha gineco receitou o clomid,p iniciar no 5 dia. Como menstruacao esta irregular, aguardei o inicio do ciclo, que veio com atraso de1 mês . Comecei contAr o 5to dia a partir do primeiro sinal da menstruacao,mas só no quinto dia q a menstruacao começou normal, a cor passou a ser mais 'sangue vivo' mesmo....terminei os 5 clomid e continuei menstruada...
Nao sei o q fazer, acredito que n o clomid nao ira fazer efeito desse jeito,pq já era
P estar ovulando se a menstruacao tivesse parado, mas ela ainda nao parou...:(

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Anônimo,

Pergunte à sua médica se não seria interessante realizar um ultrassom seriado junto do Clomid para acompanhar o que está acontecendo.

Abraços e boa sorte!
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá bom dia, fico muito feliz por existir um site de confiança que possa tirar nossas duvidas. Parabenizo o iniciador de tão importante missão.
Bom meu nome é Rosane tenho 23 anos e apos exames de rotinas constatei que tenho ovarios com micropolicisticos e tenho muita vontade de ser mae. o que devo fazer?
fico no aguardo, muito obrigada.
Parabens mais uma vez.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Rosane,

Você deve procurar o seu ginecologista para que ele avalie o seu caso. Fale com ele sobre seu desejo de engravidar. Caso você não possua um ginecologista de referência e deseje avaliar a questão da gravidez, você pode procurar um especialista ou clínica de reprodução assistida, onde será avaliado o seu caso.

Abraços e boa sorte!
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

fefe atelier disse...

Eu não sei o que fazer pois mesmo estou tomando serophene mas de que adianta se a minha mestruação só vem com remédio acho que o tratamento está sendo em vão pois este não é contínuo. Queria tomar metformina pois li que ele ajuda no combate ao SOP, mas o médico não quer passar por causa dos efeitos colaterais. Mas eu já tomei ele antes mas sem o indutor junto. Será que tem algum problema tomar os dois juntos? Talvez seja essa a verdadeira razão para ele não me receitar. Estou triste ´pq as coisas não batem. Indutor injetável é muito caro devido a quantidade que se usa. Já vou fazer 35 anos. o sonho vai ficando mais difícil.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cara Fefe atelier,

Realmente, a partir dos 35 anos, a fertilidade da mulher diminui.
Penso que deve seguir as recomendações de seu médico, ou procurar um especialista em reprodução assistida, para melhor orientação e conduta em relação ao seu caso específico.
Não faca uso de medicações por conta própria.

Abs e boa sorte!
Dra. Beatriz Tupinambá
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.82962-5

Anônimo disse...

olá,

Tenho 30 anos e foi-me diagnosticado SOP desde sempre.
De momento estou a tentar engravidar e a ser seguida pelo meu GO.

Dei inicio ao tratamento com clomifeno 50 mg do 5º ao 9º dia e Medroxiprogesterona do 20º ao 24º dia, tomando ainda diáriamente 4000 mg de inositol e 800 mcg de àcido fólico.

a minha dúvida é:
com a toma da Medroxiprogesterona se ainda não tiver ovulado e consequentemente não tiver havido fecundação, terei a menstruação na mesma?
isso não faz com que não consiga engravidar?

Se conseguir engravidar haverá risco de gravidez múltipla?

Muito obrigada

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, anônima,
Conforme descreveu, seu médico propôs que você fizesse uso de um indutor da ovulação (clomifeno) na primeira fase do ciclo (entre o quinto e o nono dia do ciclo menstrual) e um suporte de progesterona na segunda fase do ciclo (vigésimo - vigésimo quarto do ciclo).
Como seu médico orientou o uso da progesterona por um período definido de dias (20 - 24 dia), caso não ocorra a gestação e/ ou não haja outras causas de atraso menstrual (alterações da prolactina, alterações dos hormônios tireoideanos...) você deverá menstruar normalmente.

Em relação ao risco de gestação múltipla, todo tratamento de reprodução em que usamos medicação para estimular o ovário (como o clomifeno) implica, sim, em aumento percentual do risco de gestação múltipla.

Atenciosamente,
Dra. Vívian Sant'Anna Lima

Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.79756-1

Anônimo disse...

Olá, eu tenho 30 anos, tenho uma filha de sete anos, a dois meses tive um aborto estantaneo (tava de 5 semanas +-) e saiu tudo naturalmente, no ultimo ultrassom que fiz depois do aborto o medico disse que eu estava com SOP, e tenho muita vontade de engravidar novamente, o mesmo me receitou metformina um comprimido ao dia. Gostaria de saber se isso é certo? E tambem se com a SOP posso engravidar naturalmente? ou necessariamente preciso de tratamentos. Nesse caso será que o Clomid seria uma opçao?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

É sim possível engravidar naturalmente com a síndrome deovários policísticos. Metformina é uma medicação utilizada quando há aumento da resistencia a insulina, muito comum nesta síndrome. Clomid é uma ótima opção de tratamento reprodutivo em SOP; mas deve ser usada com prescrição médica e acompanhamento.
Boa Sorte!

Dra. Beatriz Tupinambá
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.82962-5

Anônimo disse...

bom dia a todos voces. O site e bastante interessante e produtivo. entao me chamo Andrea 33a, um filho de 11. tenho SOP. em tratamento pelo 2 ciclo. acompanhada com US dia sim dia nao. segundo ciclo com clomid e metformina de 850mg ao dia. A minha duvida e a seguinte... eu ja nao deveria ter feito algum exame de sangue p verificar questoes hormonais? nao e o correto? haa tenho tido ovulaçoes sim mes passado ovulei. tive ovulaçao tardia e n engravidei. este mes ja ovulei hj na data prevista pelo meu querido medico.
grata desde ja.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Andrea,

Converse com seu médico. Ele está lhe acompanhando e, com certeza, conhece você e sua condição clínica de forma mais completa para poder opinar. Caso haja necessidade de novos exames e uma nova abordagem terapêutica, ele com certeza lhe orientará.

Boa sorte!

Att., Dra Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

ecrupp disse...

boa noite drs. andei fazendo umas pesquisas, apos minha ultima consulta com minha ginecologista, onde ela me passou o clomid (no quinto dia da minha menstruação tomar durante 5 dias um comprimido de 50mg.), fiz todos os exames (ultra som vaginal, citologia e colposcopia, exames hormonais, ultra som da tireoide e todos deram normais.meu cicclo é de 26/27 dias e duram 5 dias. meu marido fez todos os exames tb, (ultra som escrotal, espermograma e os exames hormonais tambem) e todos deram super normais. então, tendo em vista que já estamos a um ano tentando, (eu com 29 e meu marido com 26), ela resolveu passar o clomid pois suspeita que eu possa ter problemas com relação a ovulação, ou seja, que eu possa nao estar ovulando corretamente. então apos meus exames darem ok ela pediu que eu comessasse meu primeiro ciclo ja este mes mas estou com medo, pois ela me falou dos "possiveis efeitos colaterais, dentre eles: o risco de uma gravidez tubárea ou síndrome de hiperestimulação ovariana. bem doutor, minha pergunta é: se esta tudo normal nos exames mas mesmo assim nao consigo engravidar, este remedio tem mais chances de trazer beneficios ou nao? corro o risco de algo ruim? fiquei com medo desta hiperestimulaçao. me ajude doutor pois ela nao foi muito esclarecedora e o sr é minha segunda opiniao. e minha menstruaçao ja está proximo de chegar. desde ja agradeço sua boa vontade e aguardo sua resposta.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, ecrupp,

Todo tratamento possui efeitos colaterais, por isso você deve sempre ser acompanhada por um médico para que seja identificado qualquer fator de risco e que sejam tomadas as devidas providências. Converse com a sua médica e exponha seus receios.

Abraços e boa sorte!
Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52.75951-1

Anônimo disse...

Gi...
Boa noite, tenho 25 anos e tomei AC durante 7 anos, parei de tomar em 12/2011 mas depois de um inesperado em agosto de 2013 acabei tomando a mesigyna por 2 ciclos. Desde então não usei mas nenhum tipo de contraceptivo, desejando engravidar fui ao G.O o qual me pediu para realizar ultrassonografia trans vaginal constatando que ambos os ovarios são micropolicisticos, tbm realizei exames de sangue os quais apresentaram as seguintes alterações: Estradiol 28,38 em fase lutea( fase que antecede o inicio de um novo ciclo correto? realizei a coleta dos exames dia 06/02 e a mestruação veio 09/02, prolactina 19,10 e progesterona inferior a 0,21. Demais exames se apresentaram dentro dos limites. O mesmo receitou tratamento com citrato de clomifeno 50mg iniciando o tratamento no 5º dia da mestruação e tomando 1 comprimido por dia durante cinco dias por 3 meses. Na hora acreditei que fosse uma medicação simples, porém, pesquisando na internet sobre a ela pude constatar o quão perigosa é e quanto seus efeitos podem ser agressivos para a minha saude e para o provavel futuro bebê me deixando com medo e insegura para toma-la ainda mais porque ele não agendou consultas para o acompanhamento do tratamento pedindo para retornar apenas depois de 3 meses. Gostaria de saber sua opnião sobre meu caso.
Desde já grata Gi...

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Gi,

Pelo que pude perceber, você já está sendo acompanhada por um médico.
O uso de indutores de ovulação, como o citrato de clomifeno, pode ajudar a paciente que não ovula espontaneamente a ovular. Se a causa da infertilidade for exclusivamente a ausência de ovulação, o que não dá para saber somente com as informações fornecidas, é possível que a ovulação ocorra e então a gestação poderia acontecer juntamente com os riscos inerentes a ela.
Ao engravidar, o ideal é dar início ao pré-natal e assegurar, por meio de exames, que está tudo evoluindo bem.
Recomendo que você tire suas dúvidas com seu médico e confie nele, pois ele é a pessoa que conhece melhor o seu caso, ou, caso prefira, procure um médico especialista em reprodução.

Atenciosamente
Dra. Vívian Sant'Anna
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.79756-1

Anônimo disse...

Re...
Olá Doutores(as). Gostaria de saber se algum de vocês especializados em reprodução assistida atende na região de Niterói - RJ? Meu marido possui azoospermia, mas toda vez que pergunto mais sobre o assunto ele se fecha e não me explica as causas direito. Estive pesquisando e encontrei o site do Dr. Conrado Alvarenga e o mesmo me encheu de esperanças e disse que é possível SIM um homem azoospérmico ter um filho, sendo que o Dr Conrado atende em SP e encontrei esse blog de equipe médica e fiquei feliz em saber que são do RJ. Desde já agradeço. Abraço.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!
É possível que tenha médico especialista em reprodução humana em Niterói.
Porém nossa clínica esta localizada na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.
Boa Sorte!

Dra. Beatriz Tupinambá
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.82962-5

Anônimo disse...

Tomei esse medicamento sem orientação médica, consegui engravidar, mais desde o 1 mes sentia colicas terriveis, comecei fazer o pre-natal, tudo parecia estar correndo bem, ate que no 4 mes passei mal, fui ao medico, me passou uma ecografia, quando fiz o exame descobri, o coraçao do bb havia parado de bater.. Me arrependo muuuito, sofri, fiquei depressiva, sem falar nos problemas de saude que me ocorreram apos ter retirado o bb, infecçao, bacterias no utero.. Estou querendo engravidar novamente mais dessas vez vou ter acompanhamento medico desde o planejamento ate o nascimento do bb...

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Anônina,

Infelizmente, nem todas as gestações evoluem bem. É muito importante o acompanhamento desde o planejamento como você mesma disse e, além disso, um pré-natal com muito cuidado e atenção.

Boa sorte!
Abs,

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Olá, meu nome é Débora,
Tenho 28 anos, tenho ovários policísticos desde os 18 anos, a GO orientou tomar anticoncepcional dese então......
Estou casada há 2 anos e 2 meses e há 1 ano e meio parei o anticoncepcional, entretanto não houve gravidez.
Fui a minha GO e me foi passado:
CILOPRIMOGYNA - 1 POR DIA POR 21 DIAS, PAUSA DE 7 DIAS(4 CICLOS).
GLIFAGE 500 - 1 POR DIA (4 CICLOS.
INDUX - 1 POR DIA DO 5º AO 9º DIA DA MENSTRUAÇÃO (4 CICLOS).
Já estou no 2º dia do Gligage e Cicloprimogyna, minhas dúvidas são:
O Indux pode causar algum dano ao feto? Posso ter gêmeos, jé tenho caso na família do meu marido.
Qual a probabilidade de engravidar logo?
Vejo muitos casos em que o Indux é de 100mg no 2º ciclo, fiquei receosa em ser de 50, fará efeito?
Me ajudem e agradeço a atenção.

rose soriano disse...

poxa vida fikei muito animada com esta materia...menstruei umaunica vez aos 11anos e nunca mais...tenho 35 anos e gostaria de engravidar mais fiz exames hormonais que constaram menopausa precoce e outra medica disse que é amenorreia primaria disse que nasci com ovarios mais sem ovulos...então jamais engravidarei..mas lendo esta materia vi a esperança de ter um bebe..posso tomar este medicamento..por favor me aajudemmm!!!!

Anônimo disse...

OI!
Gostei muito da matéria,poderia me ajudar? vou tentar ser bem clara no meu caso:
Tenho ovários micropolicísticos desde os 15 anos, já usei diversos anticoncepcionais: yasmin, selene, diane 35, microdiol e o último foi o gracial. O único deles que amenizou os micropolicistos foi o microdiol e o gracial. No ano passado a médica passou para eu tomar juntamente com o gracial o glifage XR, no entanto como a SOP não tem cura os dois só amenizaram o problema.
Faço acompanhamento médico contínuo com a mesma médica desde os 18 anos.
Hoje estou com 27 anos e estou tentando engravidar. Parei de tomar remédio em março, e a médica me pediu para fazer ultrassonografia seriada no mês seguinte quando a menstruação descesse. No entanto a menstruação não veio no mês seguinte, e eu fiz um transvaginal que constatou aumento dos ovários e dos micropolicistos. A médica disse que eu demoro muito para ovular mas antes de passar o indultou de ovulação ela mandou eu fazer uma histerossalpingografia.
Quando a médica viu o resultado, ela traduziu para mim da seguinte forma: "suas trompas são como uma rua com três vias, sendo que as duas do canto são obstruídas" 'opacidade', talvez nem essa abertura tivesse, e tenha sido provocada pela passagem do líquido que talvez também tenha desobstruído-a mais".
Com este diágnóstico em mãos ela me passou o Clomid, mas lendo a bula eu estou apavorada, eis a minha questão:
Eu entendi os riscos que tomar esse medicamento sem acompanhamento médico pode trazer, no entanto mesmo com acompanhamento médico, lendo a bula do remédio, e diversos artigos na internet, a impressão que eu tenho é que ele pode ser muito prejudicial a minha saúde, não quero um bebê doente e nem que o meu problema de micropolicisto evolua para algo pior. Poderia por gentileza elucidar melhor o uso desta substância? Poderia também contribuir com alguma informação a respeito do meu tratamento? Desde o dia 11 de março de 2013 não menstruo, a médica disse que a menstruação não é tão importante, tenho visto que a indicação do citrato de clomifeno é de geralmente 5 dias no entanto a médica mandou eu tomar por 10 dias
e fazer a partir do 12º dia 3 ultrassonografias seriadas,estou muito confusa por favor me ajude!Obrigada!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

Infelizmente não podemos consultá-la pelo blog. Seu caso requer uma avaliação detalhada para que sabendo de todos os problemas possamos ajudá-la. Converse com sua médica e ela certamente vai te orientar ou indicar um especialista caso julgue necessário.

Atenciosamente,

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Bom dia doutores!
Na tentativa de saber se terei possibilidades de gravidez, encontrei está matéria.
Tenho 31 anos e diagnóstico de "hipogonadismo hipogonadotrófico". Fiz tratamento na adolescência, mas por frustração e mal condução médica (a ginecologista na época me disse que se um dia eu pudesse engravidar, teria vários abortos antes... Aos 18 anos essa possibilidade me chocou muito e abandonei tratamento).. Com 28-29 anos, num check-up de rotina, endocrinologista me "convenceu" a retomar tratamento, ñ com objetivo de engravidar, mas para segurança devido outras funções dos hormônios como proteção cardíaca, parte óssea, absorção cálcio... Por fim, qdo vi procurei ginecologista com doutorado em endocrinologia obstétrica e segui tratamento (mentindo p mim mesmo q o objetivo era somente por segurança e ñ tentativa de gravidez rsrs)..
Tinha útero com volume bem reduzido, endométrio atrófico, ovários pequenos tb..
Iniciei tto com reposição hormonal e então aos 30 anos tive a menarca, e foi regular com uso continuo de medicação. Meu útero hj possui volume e tamanho normais, óvulos ainda pouco menores que os valores de referência. Tds os exames são normais (RM, TM, US de hipófise, crânio, tireóide, supra-renais; cariótipo).
Atualmente estava fazendo uso do "Elani ciclo©". Parei por 2 meses para observar comportamento do meu organismo - menstruação ñ veio e nos exames laboratoriais FSH e LH valores abaixo do normal. Meu médico sempre deixou claro q minha função ovariana era insatisfatória e q próximo passo seria uso de medicação para indução acompanhando através de US seriados..Essa indução seria através de comprimidos ou uso injetável (q ñ recordo nome). Quis fazer essa indução já somente para ver se funcionaria, mas sem objetivo de engravidar. Meu médico disse que ñ seria hora então, uma pelo tratamento ser de custo relativamente alto e ideal seria tratamento concomitante ao especialista em reprodução assistida.
Meu maior receio hj é qto tempo aguardar para tentar indução..sei q qto mais tempo esperar, provavelmente mais difícil será.. Porém, meu casamento março/2014, minha ideia seria tratar pelo menos após casamento...
Enfim, é um sonho, um desejo muito forte de engravidar.. Será q somente indução seria suficiente? Inseminação? Óvulos próprios?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Cara anônima,

O hipogonadismo hipogonadotrófico é caracterizado pela habilidade ausente ou diminuída do hipotálamo secretar GnRH, ou da hipófise secretar LH e FSH, hormônios que, em última instância, atuam nos ovários estimulando o processo ovulatório e a produção dos hormônios sexuais (estrogênio e progesterona). É por esse motivo que pessoas portadoras dessa desordem, apresentam atraso no desenvolvimento dos caracteres sexuais e não ovulam (não menstruam espontaneamente).
Conhecendo o mecanismo dessa desordem, podemos perceber que para estimular os ovários a produzirem hormônios e óvulos, é necessária uma terapia repositora de hormônios (LH e/ou FSH), que são basicamente as medicações usadas nos ciclos de indução destas pacientes.
Converse com seu médico e se preferir procure um especialista em reprodução assistida para decidir o melhor momento e o melhor método para conseguir realizar seu sonho.

Boa Sorte!
Atenciosamente,

Dra. Vívian Sant'Anna
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.79756-1

Anônimo disse...

Obrigada pela resposta Dra Vivian..
Exatamente como vc mencionou, ñ menstruo sem uso de medicação e com relação ao desenvolvimento dos caracteres sexuais, somente mamas foi observado..e por tal motivo coloquei implante mamário. Demais caracteristicas são presentes.
Com relação a medicação que uso - Elani Ciclo, que é um anticoncepcional, mas no meu caso usado como repositor hormonal.. Seria a droga mais aconselhada no momento?
Mesmo que minha intenção ñ seja engravidar já?
Faço acompanhamento médico certinho, só gostaria de entender melhor e saber q perguntas fazer a ele..
Obrigada e parabéns pelo blog..Encontrei muitas informações e que me deram mais esperança ;)
Grande abraço

Adryana disse...

ola, tentei engravidar por 2 anos após a ultima gestação.. , tive polidranio , e depois ocorreu o obstrução de umas das trompas , a dra. Ivani bercarine me receitou indux, mesmo assim estou com medo pelo fato de gravidez gemilar e ectopica porque só tenho uma trompa. e nao entendi também qdo que é que se tem relação qdo se fazem uso desse medicamento , ela prescreveu para que eu tome no quinto dia do ciclo.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, Adryana,

Percebo que você está com muitas dúvidas quanto ao tratamento a ser seguido. Sugiro que marque nova consulta para saná-las. É importante que você esteja bem orientada para seguir com o tratamento.
Att.

Dra Beatriz Tupinambá
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.82962-5

RAQUEL disse...

Olá, li a publicação do blogger e boa parte dos comentários e resposta dos Drs. O blogger é muito bom, bem esclarecedor mesmo... mas resolvi compartilhar aqui o meu caso e minhas duvidas;
Meu caso é o seguinte: Tenho 28 anos, e desde a minha adolescência tenho problemas com minha menstruação, mas maquela época eu nem me importava, achava bom ficar sem menstruar. Agora que sou casada, há 01 ano venho tentando engravidar. Tenho 1,63 cm e 75 kg - estou acima do peso.
Há 05 meses descobri que tenho ovários policísticos, fiz vários exames de sangue, e a parte hormonal está ok, sem nenhuma alteração. Minha médica me prescreveu um anticoncepcional (Liara) e Metformina 850mg (01 vez ao dia), mas eu não estou tomando o anticoncepcional, apenas o metformina. Será que eu posso tomar essa medicação que estimula a ovulação? Li sobre os efeitos colaterais que ela pode causar, e fiquei com medo. Será que eu posso tomar esse medicamento?
Peço orientação.
Grata!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Oi, Raquel!

A medicação para induzir a ovulação deve ser prescrita por sua médica, caso ela avalie a necessidade. Algumas pacientes com dieta e exercícios físicos já conseguem ter ciclos ovulatórios.
Outras apenas com uso da metformina já ovulam. Assim ,você consegue entender que cada caso é diferente do outro e deve ser avaliado com muito cuidado e atenção. Converse com sua médica sobre seu desejo de engravidar e peça as orientações.

Boa sorte!

Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Me chamo Eduarda e tenho 21 anos e ovários policisticos e meu Go me passou indux, 1 comprimdo por dia durante 10 dias, mas não solicitou nenhum exame.. somente uma transvaginal para confirmar minha SOP. 3 dias após o término dos comprimidos comecei a sentir dores na barriga. Liguei para o meu médico e me informaram que o mesmo estava de férias.. porém dois dias depois acordei com uma forte dor na barriga e corri para a emergência.. quando cheguei lá tive que ser operada as pressas. Meu ovário esquerdo já tinha estourado e arrebentado junto a trompa esquerda. Meu ovário direito estava com mais de 10 cm e os cistos com mais de 4 cm. Enfim, perdi meu ovário e trompa esquerda e 80% do meu ovário direito.

Anônimo disse...

Olá Tenho 21 anos descobri aos 19 a sindrome dos ovarios policisticos então fiz tratamento , fiz um ecografia trasnvaginal e aparentemente sumiu ou diminuiu segundo meu GO , então ele me receitou indux tomei no 5° dia do ciclo 5 comprimidos um por dia eu só queria saber se pode haver o atraso menstrual pois hoje fazem 14 dias de atraso, fim um teste de farmacia dia 16 deu negativo, talvez se eu tiver mesmo gravida o de farmacia nao aparece em poucas semanas né . só queria saber se o medicamento pode atrasar tanto assim ??? Me respondam por favor ...

Obrigado !

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá, anônimo,

Não é esperado que haja um atraso menstrual tão grande. O melhor método para diagnosticar gravidez é o exame de sangue, a dosagem do B - HCG.
Procure o seu médico, que receitou a medicação, e converse com ele.
Boa sorte!

Dra Beatriz Tupinambá
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.82962-5

Anônimo disse...

Tomei Clomid em apenas um ciclo por conta própria, fiquei com medo e não tomei mais. Pode me informar por quanto tempo ele agirá em meu corpo? Obrigada,

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

A medicação pode durar até seis (06) semanas para ser eliminada por completo do organismo. Que bom que você decidiu repensar o uso sem ter a indicação médica. Como toda medicação, ela oferece riscos e tem indicações que devem ser avaliadas por um especialista.
Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Dr.
por favor, a partir de que dia o clomid faz efeito..a exemplo se eu iniciar o clomid dia 15/02/2014, terminar o clomid no dia 19/02/2014, quando possivelmente estarei ovulando?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!

O clomid é um indutor de ovulação e o tempo que ela vai levar para ocorrer depende da resposta de cada organismo. Por isso, a importância de estar sendo acompanhada por um médico. O ideal, inclusive, é monitorar a paciente com ultrassonografia para avaliar o crescimento do folículo e verificar a ovulação.

Atenciosamente,
Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 52.78.093-6

Anônimo disse...

Oi amigos medicos tenho 23 anos sou casada a 4 des dos 13anos sempre foi diagnosticadosindrme do ovario policistico no meu caso eo esquerdo estou tentando emgravidar sera que no meu caso clomid facilitaria a minha ovulaçao a 1 mes fiz outro exame e o resutado foi o mesmo e gostsria de saber tambem quais sao os risco no meu caso de uma gtavides induzida por favor me responda

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

A avaliação das possíveis causas de infertilidade do casal e a recomendação da melhor opção terapêutica passa necessariamente por uma consulta médica especializada.
Nenhum tratamento deve ser feito sem a supervisão de um médico, pois isso envolve grandes riscos.
Se desejar, agende uma consulta, teremos enorme prazer em atendê-la.

Boa sorte!
Dra. Vívian Sant'Anna
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.79756-1

Anônimo disse...

O médico urologista de meu esposo receitou este medicamento para meu esposo devido baixa produção de espermatozoide, mas tenho visto que ele é recomendado apenas para mulheres, faz efeitos também para este tipo de problemas?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá! Muito boa tarde,

O Citrato de Clomifeno pode ser prescrito tanto para mulheres quanto para homens,com as indicações específicas para cada caso. No homem, o citrato de clomifeno aumenta a produção de testosterona e a consequente espermatogênese. Acredito que o seu marido deve ter sido orientado da melhor forma possível pelo seu respectivo urologista. Qualquer dúvida, não hesite em entrar em contato conosco!

Atenciosamente,

Dra Maryjo Marques Branquinho
Ginecologista e especialista em Reprodução Humana
CRM 52770728

daiana disse...

Olá
Tenho SOP e nenhum remédio ou tratamento que fiz em 3 anos fez efeito algum, meu caso me leva a não mestruar até por 1 ano
No momento estou utilizando metformina e didrogesterona porém sem sucesso a 4 meses .
Gostaria de saber se posso associar o clomifeno no lugar da metformina.
Qual seria o risco ? Não possuo nenhuma outra complicação em relação a saúde

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Daiana,

Nenhuma medicação deve ser iniciada sem a recomendação ou o acompanhamento médico. Converse com seu médico e veja qual é a recomendação dele.

Boa sorte!

Dr. Cássio Sartorio

Simone Mota disse...

Simone Mota disse...
Olá!
Gostaria mt da orientação de vocês, então vou contar um pouco da minha história.
Tenho 27 anos, sou casada há três anos e meio. Em janeiro de 2012 decidimos tentar ter o nosso tão sonhado bebê, então passei em um ginecologista 'K', fiz alguns exames e parei com o anticoncepcional, só que então fiquei 7meses sem menstruar e ela não me pediu mais exame nenhum e nada, então eu pedi para repetir os exames, já que quando fiz estava ainda sobre o efeito do anticoncepcional, só então ela fez o novo pedido de exame, descobrimos que eu tinha ovários com micropolicistico, então como perdi a confiança na médica acabei trocando. A nova médica 'D' era um amor, me ajudou muito, me deu mt orientação, então primeiro ela pediu um espermograma para o meu marido, pois ela me disse q é mais fácil eliminar primeiro se o homem não tem nada, depois repetiu todos os exames em mim, fiz até uma histerossalpingografia, gracas à Deus deu tudo normal, a nao ser q eu estava com a síndrome do ovário policístico ( com vários sintomas) então ela me passou a metformina e o utrogestan para regular meus hormônios e me fazer menstruar, deu certo, mas não engravidei. Só q essa dra 'D' q eu gostava mt saiu do meu convênio, tive q procurar outra, a dra 'J', contei toda a minha história levei meu exames passados e ela me receitou Serophene pois já fazia um ano e meio + ou - q tava tentando engravidar. Só q em nenhum momento ela me disse doque poderia acontecer. Fiz como ela me indicou, ainda tomava a metformina e usa o utrogestan. Usei o Serophene por 3 ciclos, certinho e então depois de 1ano e 8meses tentando engravidar veio o meu tão sonhado positivo (detalhe descobrimos no dia do nosso aniversário de 3anos de casamento) nossa maior alegria e da família toda. Só que depois de 26 dias descobri a minha gravidez ectópica ( uma coisa q até então nunca tinha ouvido falar ).
Minha maior duvida e revolta é como uma médica não informa isso para sua paciente e como na bula desse medicamento não está dizendo nada de gravidez ectópica. Só descobri q podia ter alguma ligação com o remédio pq faço parte de um grupo de mulheres q também tiveram ectópica e mtas tomaram esses indutores.
Até quando isso vai ter que acontecer?
Se eu tivesse tido a informação de tudo o q aconteceu comigo antes Jamais teria tomado Serophene.
Preciso de orientação pq agora já se passaram seis meses, já posso tentar novamente mais estou sem medica pois nao confio mais naquela q me receitou o Serophene.
Observação: tive q passar por cirurgia tipo cesária para a retirada da minha trompa direita.
Simone

24 de abril de 2014 01:31

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Simone,

A gestação ectopica é algo que pode acontecer com qualquer paciente que esteja tentando engravidar. Não tem relação direta com o Serophene, mas como esta medicação é um indutor de ovulação e, claro, muito usado para pacientes que estão tentando engravidar, a ocorrência desses dois fatores acaba sendo algo aparentemente associado.

Para melhor esclarecer e discutir suas possibilidades de tratamento, o ideal é marcar uma consulta com um especialista em Infertilidade, ja que cada paciente tem suas questões individuais, e todo tratamento deve ser sempre muito bem esclarecido. E nada melhor do que estar de frente aos exames e fazer uma consulta pessoalmente.

Procure clinicas especializadas para o seu tratamento. A equipe do Vida está a sua disposição.

Att,

Dra. Ingrid Tavares Izzo
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52873004

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá anônimo,

O tratamento chamado inseminação é baseado em preparar o sêmen com os melhores espermatozoides, seja do parceiro ou doados, e colocá-los dentro do útero da paciente que deseja gestar.

No tratamento fertilização In vitro, a paciente que deseja usar os óvulos será preparada e esses óvulos serão captados e fertilizados com o sêmen em laboratório. Após confirmada a fertilização, eles serão colocados dentro do útero da paciente que deseja gestar; que pode ser a mesma que captou os óvulos ou a parceira.

Dentro desses assuntos cabem muitas dúvidas e discussões, e o melhor seria marcar uma consulta com o especialista para retirar todas as dúvidas, pois cada casal é um caso. Espero que tenha esclarecido.

Att,

Dra. Ingrid Tavares Izzo
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52873004

barbara homem disse...

tomar clomid por muitos meses faz mal? já houve uma operação de endometriose e mioma ao mesmo tempo.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Bárbara,

Toda medicação é usada com um objetivo e, por essa razão, nunca deve ser utilizada sem controle ou acompanhamento de forma indeterminada. As cirurgias de endometriose diferem conforme a gravidade, assim como as de miomatoses. Dependendo da gravidade de cada uma e do quadro de comorbidades da paciente, talvez as cirurgias possam ser realizadas juntas. Mas isso depende de muitas variáveis.

Caso tenha mais dúvidas, marque uma consulta com um especialista em infertilidade, mesmo que seja apenas para discutir dúvidas e opções de tratamento.

A equipe do Vida está à disposição.

Att,

Dra. Ingrid Tavares Izzo
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM 52873004

Anônimo disse...

oi...gostaria d fazer uma pergunta...Minha menstruação parou no terceiro dia quando era para começar tomar o clomid, posso tomar normalmente, tenho ovários policísticos...

lay disse...

hj fui na ginecologista ganhei esse remedio pra toma clomifeno pra tomar durante 5dias pq minha mestruacao e inrregular e quero engravidar vai me ajudar esse remedio..

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Lay,

Use conforme a orientação de sua médica.

Abraços e boa sorte,

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.75951-1

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá,

O primeiro dia do ciclo menstrual é contado a partir do primeiro dia de menstruação, e seu tempo de duração varia entre as mulheres; independente dos dias de fluxo menstrual, o terceiro dia do ciclo será o terceiro dia após o início da menstruação mesmo que o fluxo já tenha cessado.

Atenciosamente,

Dra. Carla Cantarino
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 5285712 - 2

Anônimo disse...

Gostei muito do artigo!!!
Entretanto estou meio aflita,gostaria que alguém me ajudasse.Estou fazendo tratamento para engravidar,pois tive uma gravidez aos 19 anos de idade e tive um aborto espontâneo, fiz curetagem hoje tenho 35 anos e desde então nunca engravidei,eu e meu marido fizemos todos os exames tudo deu normal.Agora fiz a histerosalpingografia e descubri que estava com as trompas obstruídas,sendo que na terceira radiografia o contraste desobstruiu as duas trompas,tudo normal.estou no segundo ciclo depois do exame,voltei ao medico e aiii... ele me receitou SEROPHENE,para tomar no primeiro dia da menstruação 1 comprimido durante 10 dias por 3 ciclos.
O que acontece é que nunca ouvi falar que ninguém tomou por tantos dias e to com medo,essa dosagem é normal?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!

É importante que você possua uma boa relação médico-paciente e possa tirar todas as suas dúvidas com o profissional.

Existem vários protocolos de estimulação ovariana. É possível que você não conheça todos.

Boa Sorte!

Precisando de um especialista, estamos à disposição.

Dra. Beatriz Tupinambá
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.82962-5

Anônimo disse...

Prezados,

Tenho 41 anos e tentando engravidar há um ano. Depois de um aborto retido com seis semanas em janeiro deste ano, minha ginecologista me receitou Clomid. Porém, consultando a internet, li algumas publicações que falam sobre o risco de câncer. Gostaria de saber se h[a algum estudo comprovado ou indicativos de que o Clomid pode de fato causar câncer. Grata, Maria Britto.

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Maria Britto!

Existem inúmeros estudos buscando responder a seu questionamento. Alguns estudos afirmam não haver correlação alguma entre o uso do citrato de clomifeno e câncer de ovário.
Como todo indutor, ele leva a um aumento da produção de estrogênio e progesterona e, consequentemente, poderia estimular o aparecimento de tumores hormônios dependentes como câncer de mama e ovário. Porém o período de uso também é um fator determinante. A maioria dos estudos considera que o uso por mais de um ano pode ser associado a câncer, mas infelizmente nada conclusivo.
O importante é você conversar com sua médica e estar confiante para iniciar seu tratamento.

Boa sorte!

Dra. Alessandra Evangelista
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida.
CRM: 52.78.093-6


FERNANDA disse...

Fernanda,30 anos
OLA DOUTOR sou casada e tenho uma filha de 8 anos no inicio desse ano fiquei 2 meses sem menstruada na felicidade "achando que estava gravida" na verdade estava com cisto do tamanho de um limao no ovario esquerdo, entao o meu medico me indicou que voltasse a tomar o anticocepcional depois aguardar a menstruacao fazer outra ecografia, refiz a eco e deu varios cistos entao ele me receitou Selene e fazer uma eco a cada 3 meses, so que como eu estava em choque (pensei que era cancer) por causa do cisto esqueci de mencionar que quero engravidar tem alguma outro medicamento que eu possa tomar para eliminar esses cistos ou esse CLOMIFENO resolveria meu problema e eu engravidaria?? Email: fefe_8327@hotmail.com

Obrigada aguardo resposta beijos :)

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá Fernanda!

Você deve conversar com seu médico e explicar que você deseja engravidar. Só assim ele pode alterar a conduta dele.

Abraços!

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.75951-1

Anônimo disse...

Olá, minha GO receitou o Clomifeno 50mg e estou com dúvida na administração. Ela colocou que devo começar a tomar no 3º dia do ciclo menstrual até o 7º dia. Relações sexuais no 12º, 12º (inclusive o US), 14º, 16º e 18º dias. Está correto? Outra dúvida, tenho que esperar sair o sangue mesmo, ou já naquela borrinha do início?

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!

O citrato de clomifeno é uma droga indutora da ovulação. A dose e a maneira como ela deve ser administrada deve ser expressamente determinada por um médico. É fundamental que haja um acompanhamento ultrassonográfico do paciente que está fazendo uso do citrato de clomifeno a fim de documentar se houve ou não ovulação, orientar o melhor momento para realizar a relação sexual e, finalmente, para nortear a dose a ser usada num próximo ciclo de indução.
Sugiro que você converse com seu ginecologista para sanar as dúvidas que restaram em relação ao procedimento proposto. Precisando de atendimento especializado, teremos enorme prazer em recebê-la.

Boa sorte!

Atenciosamente,

Dra. Vívian Sant'Anna
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.79756-1

Lis Melo disse...

Bom dia.

Li o artigo e achei bastante interessante e esclarecedor.
Tenho uma curiosidade: em certo momento é citado sobre anomalias e síndrome, como é causado esse efeito, visto q o remédio estimula o hormônio na mulher? Existem estudos e pesquisas q tenhas uma porcentagem de referência q eu possa ver?
Fico no aguardo, grata.

Anônimo disse...

quando se começa a fazer a toma do clomifeno? como se faz a contagem? imaginanos a menstruaçao vem terça, a toma tem de se fazer no terceiro dia, portanto,teria de se tomar sexta certo? estou confusa!

aguardo pela vossa ajuda!

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!

O risco de defeitos do tubo neural e outras malformações congênitas com o uso de Citrato de Clomifeno têm sido estudado e relatado em alguns artigos científico. Vários relatos sugerem essa possível associação.
No entanto, os dados são ainda conflitantes. No momento sabemos que existe essa possibilidade, mas são necessários mais estudos para a confirmação deste fato, determinação exata do risco e esclarecimento de como ocorre.
Existem estudos e pesquisas sim que avaliam esse risco. Podemos te enviar, caso queira.

À disposição para maiores esclarecimentos.

Atenciosamente,

Dra. Carla Cantarino
Ginecologista e obstetra, especialista em Reprodução Humana Assistida
CRM: 5285712 - 2

Vida - Centro de Fertilidade da Rede D'Or disse...

Olá!

Nunca se deve fazer auto-medicação. Qualquer medicação tem riscos. Consulte seu médico para realizar o acompanhamento correto.

Atenciosamente,

Dr. Cássio Sartorio
Ginecologista e obstetra, especialista em reprodução humana assistida
CRM: 52.75951-1